Promotoria instaura procedimento para averiguar situação do cemitério de Pocinhos

A Promotoria de Justiça de Pocinhos instaurou um procedimento administrativo para acompanhar o funcionamento do cemitério da cidade, administrado pela própria Prefeitura Municipal, acerca da sua regularidade ambiental.

Segundo a promotora de Justiça Fabiana Alves Mueller, cemitérios antigos operam, em sua maioria, no máximo de sua capacidade, obrigando, muitas vezes, a enterrar seus munícipes em “valas emprestadas”, e em locais inadequados (por exemplo, por entre as covas e na beira de muros que divisam o cemitério com inúmeras casas), potencializando o risco de contaminações do solo e subsolo, sem contar com o grave desrespeito a dignidade humana.

A promotoria vai oficiar à administração do Cemitério Público de Pocinhos para que, no prazo de 15 dias, apresente informações quanto a sua capacidade, e regularidade às normas sanitárias e ambientais.

 

Foto: Google Maps