“Direitos de ir e vir”: Promotoria dá início a fiscalizações no trânsito da Capital

A Promotoria do Patrimônio Social de João Pessoa deu início, na manhã desta sexta-feira (1º/02), às fiscalizações no trânsito da Capital com o objetivo de coibir infrações. As operações fazem parte do projeto “Direito de ir e vir”, idealizado pelo promotor de Justiça João Geraldo Barbosa.

A operação desta sexta teve de agentes da Superintendência de Mobilidade Urbana (Semob), Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran), Guarda Municipal, Departamento Estadual de Trânsito (Detran), da Lei Seca e Polícia Militar. Foram fiscalizadas vias e praças do Centro de João Pessoa.

Segundo o promotor João Geraldo, foram apreendidas motocicletas e aplicadas multas por irregularidades como estacionamento em fila dupla, em locais proibidos, em calçadas e praças, falta de documentação. Também foram feitos testes do bafômetro.

O promotor destacou que todas as multas foram aplicadas dentro do que determina o Código de Trânsito Brasileiro e que a operação desta sexta foi só o começo do projeto. “Vamos realizar outras operações a qualquer dia e hora”, ressaltou.

O projeto “Direito de ir e vir” tem como objetivo garantir a integridade física do cidadão, a saúde e vida, a mobilidade e o direito constitucional de ir e vir nas calçadas, passeios públicos e logradouros, através da observância e cumprimento de leis de trânsito pelos condutores de veículos automotivos.