Comitê Estratégico de Tecnologia da Informação realiza primeira reunião de 2018

O Comitê Estratégico de Tecnologia da Informação do Ministério Público da Paraíba realizou, na manhã desta segunda-feira (5), a primeira reunião de 2018, sob a presidência do procurador-geral de Justiça, Francisco Seráphico Ferraz da Nóbrega Filho. Durante a reunião foi discutido o cronograma de implantação do MP-Virtual nas Promotorias de Justiça do Estado.

Em janeiro, o MP-Virtual foi implantado em Cabedelo e Pilões. A previsão inicial é de que todas as promotorias estejam virtualizadas até março de 2019, mas o procurador-geral propôs o adiantamento do cronograma e foram discutidas as medidas para execução desse adiantamento.

A Diretoria de Tecnologia da Informação (Ditec) também apresentou os sistemas que estão sendo desenvolvidos, entre os quais o sistema de obras, o de patrimônio e bens móveis e o módulo de Férias do GEP para membros. Outros temas debatidos foram a redundância de backup, a transmissão online em vídeo das sessões dos órgãos colegiados do MP e a atualização da política de acesso à internet.

Participaram da reunião o 1º subprocurador-geral, Alcides Jansen, o secretário-geral do MPPB, Antônio Hortêncio Rocha Neto, o secretário de Planejamento e Gestão, Rodrigo Pires de Sá, o promotores Rodrigo Nóbrega, o diretor de Tecnologia da Informação, Uirá Assis, o chefe do Departamento de Desenvolvimento de Sistemas, Bruno Coitinho; o chefe do Departamento de Suporte e Redes, Felipe Sette, e o assessor de informática, Daniel Falcão.

O Comitê Estratégico de Tecnologia da Informação do Ministério Público foi constituído através da Portaria 1846/2017, publicado no Diário Oficial Eletrônico do MPPB, do dia 7 de novembro. Além dos participantes da reunião, o comitê ainda é composto pelo promotores, Herbert Vitório Carvalho, Octávio Paulo Neto e Eduardo Freitas.