Ceaf realiza novo sorteio para curso sobre saúde e decisões judiciais, após desistência

O Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional do Ministério Público da Paraíba (Ceaf/MPPB) realizou, na tarde desta quinta-feira (6/02), um novo sorteio para definir o promotor de Justiça a ser contemplado com uma vaga para o curso na modalidade à distância “Saúde baseada em evidências e as decisões judicias”. A vaga surgiu após a desistência da promotora Fabiana Lobo.

A vaga foi sorteada para a promotora de Justiça de Defesa da Saúde de João Pessoa, Jovana Maria Tabosa. O sorteio foi realizado pelo secretário-geral do MPPB, promotor Antônio Hortêncio Rocha Neto, e pelo coordenador do Ceaf, promotor Leonardo Pereira de Assis.

Foram disponibilizadas duas vagas para o curso. No sorteio realizado ontem, tinham sido contempladas as promotoras Adriana Amorim e Fabiana Lobo. Com a desistência da promotora Fabiana Lobo, as vagas ficam com as promotoras Jovana Tabosa e Adriana Amorim.

O curso à distância “Saúde baseado em evidências e as decisões judiciais” tem carga horária total de 290 horas. A capacitação é uma cooperação entre o Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e será ministrado pelo Hospital Sírio Libanês, em parceria com o Instituto de Avaliação de Tecnologia em Saúde.