Começa quinta-feira: MPs do RJ e da PB se unem para realizar primeiro HackFest carioca

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ), em parceria com o Ministério Público da Paraíba (MPPB), realiza, em sua sede, neste fim de semana (de 10 a 13 de outubro), sua primeira maratona tecnológica: o HackFest 2019 – Um Rio de Dados. O evento terá como tema a criação e a disseminação de soluções tecnológicas para o controle social e o combate à corrupção. Serão quatro dias de atividades, incluindo uma maratona de desenvolvimento de aplicativos cuja inscrição gratuita está aberta a estudantes e profissionais de tecnologia da informação, direito, design, contabilidade, gestão pública e áreas correlatas.

O encontro também contará com uma seleção de painéis e oficinas com especialistas que debaterão o uso da tecnologia na promoção de uma sociedade mais justa e participativa. Durante a maratona hacker, os inscritos vão se dividir em equipes e desenvolverão projetos de tecnologia da informação para enfrentar a corrupção e promover o controle social do Estado.

Detalhes sobre a inscrição e critérios de participação devem ser consultados no Regulamento do festival. Todos os softwares desenvolvidos ficarão disponíveis para uso público, e as três equipes melhores avaliadas por uma comissão julgadora serão consideradas finalistas para concorrer a prêmios com valores entre R$ 4 mil e R$ 9 mil.

Na programação paralela à maratona, os painéis e oficinas trazem conteúdo diferenciado para atender a diversos perfis de públicos em temas ligados à tecnologia, inovação, ciência de dados, combate à corrupção e à desigualdade social, transparência e dados abertos, entre outros. 

A origem

Na Paraíba, o HackFest, realizado pelo Núcleo de Gestão do Conhecimento e Segurança Institucional do MPPB e vários parceiros, já conta com quatro edições, sendo iniciado em 2016. A maratona faz parte de um movimento tecnológico cujo propósito remete ao combate à corrupção, entendida como uma das principais causas para o desencadeamento da pobreza e miséria social. Apoiado na mobilização de profissionais e estudantes de diversas áreas vinculadas à gestão, como Tecnologia da Informação, Contabilidade, Administração, Direito, entre outros, esse movimento busca conjugar esforços para propor soluções tecnológicas avançadas, como aplicativos ou jogos, que atuem na promoção do controle e conscientização social quanto ao uso eficiente dos recursos públicos.

O evento já inspirou outras maratonas tecnológicas pelo País e já é considerado como “uma onda contra a corrupção”, servindo de inspiração para eventos em outros Estados, como o Amapá HackFest (realizado em novembro do ano passado pelo MP do Amapá); o Amazon HackFest (realizado em outubro de 2018 pelo MP do Amazonas); o HackFest MPRN (realizado em julho deste ano). Fora do Brasil, o evento foi realizado pela Universidade do Norte, na Colômbia, em agosto deste ano, com o nome de “Hackfest Contra la Corrupción”.

 

Serviço:

Evento: Hackfest 2019 – Um Rio de Dados

Datas: de 10 a 13 de outubro

Local: Av. Marechal Câmara, 370, Centro – RJ

Quem pode participar? Estudantes, profissionais e membros da sociedade em geral.

Quanto custa participar? Nada. O evento é totalmente gratuito, basta fazer sua inscrição.

Como participar? Inscreva-se como desenvolvedor ou para as palestras, oficinas e painéis.

Quer saber mais? Acesse o site www.hackfest-rio.com.br.

 

Com informações da Ascom/MPRN