Ministério Público inspeciona a cadeia pública de Areia

O 17° Promotoria de Justiça de João Pessoa, Ricardo José de Medeiros e Silva, inspecionou na última quarta-feira (3/07), as instalações da cadeia pública de Areia com o objetivo de acompanhar as medidas tomadas pela Secretaria de Administração Penitenciária do Estado da Paraíba (Seap) para implementar, na unidade prisional, uma sala de aula para realização de atividades ressocializadoras.

Segundo o promotor, a instalação da sala de aula na cadeia pública de Areia, além da retomada das atividades para plantio de uma horta orgânica nos fundos da edificação, possibilita aos reeducandos abrigados caminhos para se ressocializarem. De a acordo com a Seap, as aulas serão retomadas ainda este mês.

O promotor de Justiça informou ainda que o prédio que abriga a unidade foi construído em 1936, sendo, portanto, tombado como patrimônio histórico, o que impossibilita grandes reformas, principalmente em sua fachada. A direção da unidade prisional informou ainda que pretende realizar adequações na cozinha da cadeia pública, a fim de que haja melhorias no local de preparo dos alimentos.

Ainda conforme o promotor Ricardo José de Medeiros, essas medidas se concretizaram em atendimento às diligências realizadas pela Promotoria de Justiça.