77% dos inscritos fizeram a prova do concurso para promotor do MPPB

Mais de 3,5 mil candidatos inscritos no “XV concurso público para promotor de Justiça substituto do Ministério Público da Paraíba” compareceram à primeira etapa do certame, realizada na manhã deste domingo (9), em João Pessoa. De acordo com a empresa organizadora, a Fundação Carlos Chagas (FCC), 1062 das 4593 pessoas não fizeram a prova objetiva. O número de faltosos equivale a 23,2% do total de inscritos. O percentual é considerado dentro da média normal de ausentes em concursos públicos.

O gabarito e a prova preambular serão disponibilizados no site da FCC (concursosfcc.com.br), nesta segunda-feira (10), a partir das 17h, e também serão publicados no Diário Oficial Eletrônico do MPPB desta segunda-feira. O prazo recursal começará na quarta-feira (12), às 10h e terminará na quinta-feira (13), às 23h59min. Os recursos deverão ser feitos no site da FCC. Os resultados serão publicados no dia 24 de outubro. A lista com os aprovados para a próxima etapa do certame será divulgada no dia 8 de novembro.

Segundo a promotora de Justiça, Cristiana Vasconcelos, que atua como secretária da comissão do concurso, não foi registrada nenhuma intercorrência durante a aplicação das provas. “A prova foi iniciada no tempo certo. Esse concurso para o provimento de dez vagas de promotor de Justiça substituto vai atender a uma necessidade da instituição, principalmente no Sertão do Estado, onde há maior carência de promotores”, explicou.

Prova objetiva

A prova objetiva teve 100 questões de múltipla escolha. Ela foi aplicada em dois locais, o colégio Pio X e a Faculdade Internacional da Paraíba (FPB), ambos localizados no bairro Tambiá.

Os portões foram fechados pontualmente às 8h30min e três candidatos escolhidos aleatoriamente acompanharam, junto com a comissão, a verificação do lacre da prova objetiva, que teve duração de cinco horas.

A candidata Rafaela Medeiros, 36 anos, que mora na capital paraibana, disse que o nível da prova foi muito bom. "As perguntas foram bem elaboradas", explicou. A opinião dela foi compartilhada pelos candidatos Octávio Gomes Neto, 37 anos, de Recife, e Tiago Moraes Ribeiro, 34 anos, que mora em Curitiba. "A prova foi bem razoável, dentro das expectativas de quem estudou. Vamos aguardar a divulgação do resultado. A expectativa é muito boa", disse Tiago. 

Próximas etapas
O concurso para promotor de Justiça substituto do MPPB está oferecendo dez vagas, sendo duas delas destinadas a candidatos negros e uma a candidato com deficiência.

O certame consiste em cinco etapas, sendo a primeira a prova preambular que foi realizada hoje. As próximas etapas serão: prova discursiva, prova oral, prova de tribuna e curso de formação com 60 horas/aula, que deve durar cerca de um mês.

Das cinco etapas, apenas a prova de tribuna é classificatória. As demais são eliminatórias e classificatórias. Os candidatos também serão submetidos a teste psicotécnico. Os aprovados em todas as fases deverão ser convocados a partir de 2019.

A Comissão
A comissão do concurso é presidida pela procuradora de Justiça, Marilene Lima Campos de Carvalho, e integrada pelos promotores de Justiça Alexandre Jorge do Amaral Nóbrega; Ana Guarabira de Lima Cabral; Luis Nicomedes de Figueiredo Neto e Cristiana Ferreira Moreira Cabral de Vasconcelos (secretária), além do advogado George Ramalho (representante da OAB-PB).