Corregedoria-Geral realiza correições em cargos da Promotoria de Campina Grande

Durante esta semana, a Corregedoria-Geral do Ministério Público da Paraíba está realizando uma correição ordinária nos cargos de 11º, 12º, 14º e 29º promotores de Justiça de Campina Grande. Nessa segunda-feira (07/06), ocorreu a reunião inaugural por videoconferência e teve a presidência do corregedor-geral, o procurador de Justiça Alvaro Gadelha e a participação da subcorregedora-geral, Kátia Rejane Lucena, e dos promotores-corregedores Anne Emanuelle Malheiros Costa, Clístenes Bezerra de Holanda e Rodrigo Pires de Sá.

Participaram ainda os promotores de Justiça que estão sendo correicionados Clark de Sousa Benjamim, Pedro Alves da Nóbrega, Maricelly Fernandes Vieira e Elaine Pereira Alencar.

O corregedor-geral abriu a reunião mais uma vez destacando o perfil de corregedoria de sua gestão. “Queremos uma corregedoria mais próxima do promotor, uma corregedoria orientadora. Vocês são as pessoas que levantam a instituição, que estão na linha de frente. queremos ter critérios que nos aproximem mais e que ajudem a aprimorar o trabalho da corregedoria”, disse.

Alvaro Gadelha explicou ainda a metodologia empregada na correição e a realização da entrevista com o promotor, que é o momento no qual o membro da instituição tem de expressar suas necessidades.

A subcorregedora Kátia Rejane Lucena falou sobre a alegria de fazer parte da equipe e falou de sua disposição de fazer um trabalho à altura. “Temos que nos unir, procurando solucionar os problemas que estejam acontecendo, procurando colaborar”, ressaltou.

Os promotores corregedores Anne Emanuelle Malheiros Costa, Rodrigo Pires de Sá e Clístenes Bezerra de Holanda também explicaram a metodologia da correição e a divisão de cargos entre eles. Também destacaram o momento da entrevista como importante para conhecer o trabalho dos promotores além dos números frios dos sistemas.

O promotor Clark Benjamim falou sobre a importância da mudança de perfil na corregedoria que vem ocorrendo ao longo do tempo. Ele também expôs algumas dificuldades enfrentadas no trabalho da Promotoria e fez sugestões de melhoria. O promotor Pedro Nóbrega também citou a mudança de perfil da corregedoria e se colocou à disposição para qualquer esclarecimento necessário. 

Já a promotora Maricelly Vieira falou sobre as mudanças trazidas pela pandemia na rotina de trabalho, como as audiências por videoconferência, reforçando que essas mudanças foram positivas. A promotora Elaine Alencar expressou sua alegria pelo novo modelo de corregedoria que busca ouvir as sugestões dos membros da instituição. Todos os promotores se colocaram à disposição da corregedoria para aprendizado e crescimento nas atividades que executam.