Palestra e prêmio encerram 2ª Semana do MP

Auditório lotado. Membros, servidores e estagiários do Ministério Público da Paraíba (MPPB) compareceram, na manhã desta sexta-feira (13), ao último evento da II Semana do Ministério Público da Paraíba para ouvir a palestra da jornalista Izabella Camargo e prestigiar a entrega do 'Prêmio Servidor Destaque 2019', que foi concedido a cinco servidores (um de cada microrregião administrativa do MPPB) pelo bom desempenho na execução de Instruções Operacionais Padrões (IOP) no MP Virtual.

O evento foi aberto pelo procurador-geral de Justiça, Francisco Seráphico. Ela falou sobre a satisfação de promover uma palestra e trazer uma profissional para falar sobre qualidade de vida, evolução humana e bem-estar aos integrantes da instituição, que são constantemente cobrados a dar respostas e resultados de excelência. “O Ministério Público é uma instituição muito exposta e muito cobrada pela sociedade. Essa é uma oportunidade de crescer como pessoa e de ver onde estamos errando. Estou de ouvidos abertos para fazer a instituição evoluir também na qualidade de vida e no bem-estar”, disse.    

O diretor do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf), o procurador de Justiça José Raimundo, falou que “o MPPB trabalha 365 dias para dar conta das demandas e que é importante que as pessoas, além de alimentar o corpo, também alimentem a alma”.

Já o presidente da Associação Paraibana do Ministério Público (APMP), o promotor de Justiça Márcio Gondim, destacou que o momento traz questões que inquietam os integrantes do MPPB e disse que era importante unir o momento de fim de ano, quando são feitas reflexões, com os conhecimentos que a palestrante iria trazer para “saber como caminhar para servir melhor ao público”.

A corregedora-geral do MPPB, a procuradora de Justiça Vasti Cléa Lopes, citou o filme “Tempos Modernos” para ilustrar como as pressões externas podem consumir a humanidade das pessoas. Ela destacou a importância dos momentos de parada para refletir. “É um prazer ver o auditório lotado. Esse é um convite à reflexão. Somos um agrupamento humano e não podemos nos esquecer disso”, falou, aproveitando o momento para parabenizar a todos pelo Dia Nacional do Ministério Público (14/12).

Também compuseram a mesa, o secretário-geral, Antônio Hortêncio Rocha Neto; o secretário de Planejamento e Gestão, Leonardo Quintans; a coordenadora do Ceaf, a promotora de Justiça Renata Luz e o presidente da Associação dos Servidores do MPPB, Felipe Tibério.

A Palestra

A jornalista Izabella Camargo falou sobre a Síndrome de Bournout, um conjunto de sintomas provocados por excesso de trabalho e cobranças que levam ao esgotamento físico e psíquico do indivíduo. Segundo ela, a síndrome foi reconhecida este ano pela Organização Mundial da Saúde, tendo sido incluída na Classificação Internacional de Doenças (CID), que entrará em vigor em 2022.

A palestra guiou as pessoas para que façam uma “atualização de identidade” (quem é você hoje, idade, habilidade, hábitos e oportunidades); pausas frequentes, que deem atenção ao lazer e valorizem a importância do sono, aprendendo a dizer e a receber o 'não', evitando as “armadilhas da competência”.

A jornalista também reforçou a necessidade da boa comunicação entre chefes e suas equipes, do respeito e da elegância no trato e na forma de dizer se consegue ou não realizar tarefas no momento em que ela é demandada. “De nada irá adiantar você ser um profissional incrível, se você estiver doente”, alertou a jornalista falando a membros e servidores que assistiam à sua palestra.

Prêmio

Após a palestra, foi realizada a entrega do 'Prêmio Servidor Destaque 2019', pelo procurador-geral de Justiça e a doação de cestas de Natal aos vencedores pelo presidente da ASMP.

O procurador-geral de Justiça destacou que a iniciativa é um primeiro passo para reconhecer o trabalho e a dedicação dos servidores na instituição e que deverá passar por aprimoramento nas próximas edições.

Receberam o troféu e a cesta de Natal os servidores Thicciana da Costa Porto Araújo, da Promotoria de Cabedelo; Iasmin Barbosa Rodrigues de Oliveira, da Promotoria de Sapé; Suzana Maria de Queiroz Bento, da Promotoria de Campina Grande; Ricardo Eduardo Lins Galdino, da Promotoria de Itaporanga e Simone Fernandes Rocha, da Promotoria de Cajazeiras.

Galeria de Fotos (Ernane Gomes)